segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

sábado, 24 de dezembro de 2016

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Bem-vindo Capricórnio!

ANDREIA MODESTO



A imagem pode conter: área interna




Na próxima semana, ingresso do Sol em Capricórnio no dia 21. "Maturidade não tem nada a ver com a idade. Você se torna maduro quando assume responsabilidades por si mesmo e pela vida". N. Panwar
Num mundo em que "meninos e meninas" de quarenta anos ainda se perguntam o que vão ser quando crescerem, as influências de Saturno e o ingresso do Sol em Capricórnio podem nos lembrar que "satisfação imediata" tem um preço alto. Parece que uma geração inteira levou a sério o que dizem as propagandas de cartão de crédito e não conseguem sair do "princípio do prazer".
Mas, a vida continua seguindo em frente. E sempre existe tempo e chances para se tentar caminhos novos e começar a crescer, que é o que fazem as plantas, da semente ao broto, do broto aos frutos maduros.
"Maturidade não tem a ver com a idade, mas é algo construído pela experiência". anônimo
Então, não dá para ficar no sofá ou dizer não aos desafios. O melhor preço que se paga é saber que foi possível tentar, tentar, tentar e mesmo que existam frustrações e fracassos, a recompensa terá sido sentir a vida tão próxima, cooperando em alguns momentos, driblando e derrubando em outros.
O pior preço deve ser não viver a vida. Assistir como um espectador, sem participar, sem acrescentar, sem doar nada, desperdiçando juventude, inteligência e ignorando qualquer propósito maior.

Previsões para Sagitário 2017

ANDREIA MODESTO

Nenhum texto alternativo automático disponível.



 - Não é apenas o trânsito de Saturno pelo signo até dezembro de 2017 que ajuda os sagitarianos ao longo dos próximos doze meses. Júpiter é o planeta regente do signo, o que significa que a passagem de Júpiter por Libra, também pode trazer abertura em questões de estudos, justiça, concursos, relacionamentos e associações profissionais.

E se Saturno pressiona Sagitário e o ajuda a estabelecer limites menos ousados, Urano que envia um trino para o signo não permite que a criatividade e a alegria saiam da vida dos sagitarianos.
Ninguém é “sagitário puro”, pois o mapa astral é um complexo de influências e por mais “típico” que seja um sagitariano, ele possui muitas outras configurações planetárias e aspectos que precisam ser considerados.

O trânsito de Plutão pede cuidado com investimentos financeiros. Não é momento de dar um passo maior do que a perna (o que Sagitário ama fazer). Mas, isso todos nós sabemos, pois para cada 10 linhas de jornal ou revistas, 11 se ocupam da crise no mundo e em nosso país.

Então, Sagitário pode aproveitar bastante o trânsito de Saturno, que tem por finalidade ajuda-lo a se tornar mais “adulto”, mais maduro, mais consciente das consequências de suas escolhas e atos. Positivamente, Sagitário conseguirá maior projeção profissional e pode se tornar uma referência no segmento em que atua.

Não existe sorte, mas o resultado de muito investimento nos estudos e no trabalho. E também, em si mesmo. Saturno é sempre uma energia que parece lapidar o que os signos têm de melhor. A pedra bruta de Sagitário vai continuar sendo lapidada por Saturno até dezembro de 2017, sem perder o bom humor e a postura positiva diante da vida.

As intuições e os momentos de recolhimento são importantes para o signo que nunca “vive por viver”, procurando SEMPRE dar um sentido maior para sua vida.

As pessoas sempre acham que Áries, Sagitário e Aquário terão destinos surpreendentes, talvez escalando o Himalaia, sendo abduzidos por um disco-voador e reaparecendo num deserto distante, ou descobrindo a fórmula da juventude eterna. Arianos, sagitarianos e aquarianos estão por toda a parte e essa “luz e expansão” pode acontecer em qualquer área da vida dessas pessoas.

É possível que a vibração de Saturno por Sagitário permita que professores consigam conquistar novos diplomas em função de concursos, provas, mestrados. Ou, que alguns executivos consigam ter o total domínio sobre mais um idioma estrangeiro. Mas, também pode estar relacionado a resolução de questões judiciais que se arrastavam por anos, ou ainda, compra de terreno, sítio, fazenda.
Recuperação da boa saúde, com necessidade de ter bom contato com o corpo físico. Caminhadas, massagens, acupuntura, yoga.

Júpiter ajuda a fazer novos amigos, pertencer a novos grupos e ter uma relação equilibrada com as pessoas. Poderá haver promoção e realização profissional grande. Quando Saturno terminar o trânsito por Sagitário em dezembro de 2017, será hora de avaliar sobre os últimos sete anos e todas as conquistas feitas.

Será um “fechamento de ciclo”, uma energia de síntese, de compreensão em relação a muitas áreas da vida. E daí para a frente, Saturno ajudará com mais foco na organização das finanças e reconhecimento dos talentos e dons que devem ser mais bem aproveitados no dia a dia de trabalho.
Como o signo está sempre voltado para o futuro, é preciso lembrar que em 2019, Júpiter, regente de Sagitário estará transitando pelo signo. Então, será possível viver muita expansão. Tudo isso pode começar a ser planejado desde agora, inclusive, o que é o sonho de muitos sagitarianos: mudar-se para o estrangeiro, ou optar por uma cidade com mais verde e qualidade de vida.

No amor, a impetuosidade de Sagitário é temperada por Júpiter (lealdade), Saturno (compromisso) e Urano (intensidade). Então, acredito que Sagitário esteja menos impulsivo e mais seletivo, exigindo romance e inteligência, atração física, mas também um bom papo antes e depois sobre temas interessantes.

PREVISÕES PARA ESCORPIÃO

ANDREIA MODESTO
Nenhum texto alternativo automático disponível.




- Em outubro de 2017 Júpiter vai entrar em Escorpião e abrir um ciclo de expansão. Cada signo vibra a energia de um planeta de forma diferente. Virgem pôde se aperfeiçoar mais nos estudos e no trabalho. Libra compreenderá melhor suas necessidades afetivas e conseguirá se posicionar de modo mais seguro diante da vida.

Escorpião, um dos signos mais ricos do Zodíaco, poderá vibrar Júpiter de muitas formas diferentes. Com viagens, mergulho nos estudos, promoção profissional, bom casamento e associações, retorno financeiro mais satisfatório e novas definições espirituais.

Antes do ingresso de Júpiter em Escorpião, o ano de 2017 promete boas energias para o signo dos mistérios. Pode existir um reconhecimento profissional maior com chances de destaque e promoção. Organização financeira, um controle maior sobre o dinheiro.

Os desafios maiores parecem estar relacionados com o dia a dia, as rotinas e o corre-corre profissional. Netuno pode fazer com que alguns escorpiões consigam encontrar um tempinho para a Yoga ou técnicas de relaxamento e Pilates no meio da semana. Mas não vai ser nada fácil.
Júpiter e Netuno gostariam que Escorpião tivesse uma vida mais tranquila e mais rica em “descobertas interiores”. Saturno e Urano representam a demanda do “mundo lá fora”, atividades desafiadoras e planejamento financeiro.

Para Touro e Escorpião, signos opostos, relacionados com dinheiro, valores, relacionamentos, arte, transcendência, construção e dissolução, o “grande ano” será 2018, quando Júpiter e Urano estarão de modo mais vigoroso solicitando uma nova consciência e postura dos dois signos.

Mas 2017 já promete ser um ano bastante importante, rico e aparentemente positivo para Escorpião. O nível de maturidade será medido pela construção-controle financeiro e o reconhecimento de que investir nos estudos nunca é demais. Mostrando-se mais focado e dedicado às metas estabelecidas e ao mesmo tempo, flexível diante do que a vida impõe como desafios.

No mundo atual, fica claro que nossa vontade vai até a página 10. Podemos nos manter fiéis às metas traçadas, mas podemos ser obrigados a fazer um caminho que não era aquele que havíamos imaginado para chegar até lá. A História está viva, mostrando sua força, em cada página de jornal, blogs ou sites.

Uma atenção maior na comunicação. Ao mesmo tempo que Plutão, regente de Escorpião favorece o reconhecimento da força da palavra e do pensamento do signo dos magos, pede também uma cautela maior na comunicação. Diga o que pensa, mas no momento adequado, quando o outro estiver realmente pronto para ouvir.

No amor, boas vibrações, sobretudo se a outra pessoa é bem mais do que uma companhia. Se for alguém estimulante, que ajuda a crescer e está sempre propondo experiências novas, como ampliar a vida social e viajar mais.